quinta-feira, 28 de janeiro de 2016

Os livros no Oscar 2016

No dia 28 de fevereiro, ocorre a cerimônia do Oscar, o mais famoso prêmio do cinema mundial. A lista com os indicados foi divulgada no dia 14 de janeiro e, entre eles, muitos filmes inspirados em livros. Por este motivo, resolvi trazer a lista dos filmes concorrendo na categoria de melhor filme e/ou roteiro adaptado com os respectivos livros que deram origem a eles.
Contando com 12 indicações ao Oscar (incluindo Filme, Diretor e Ator), o filme O regresso é baseado no livro homônimo de Michael Punke. O regresso, publicado no Brasil pela Editora Intrínseca, é inspirado na história real de Hugh Glass. O livro narra a história de Hugh que, durante uma viagem para um território ainda inexplorado no oeste dos Estados Unidos, no ano de 1823, é atacado por um urso e abandonado por seus companheiros de viagem. Hugh sobrevive e parte em busca de vingança contra aqueles que o abandonaram, enfrentando situações extremamente adversas. A adaptação para o cinema foi dirigida por Alejandro González Iñárritú e estrelada por Leonardo DiCaprio.  
Perdido em Marte, dirigido por Ridley Scott e estrelado por Matt Damon, foi indicado em sete categorias, incluindo Melhor Filme, Melhor Diretor e Melhor Roteiro Adaptado. O filme é baseado no livro homônimo de Andy Weir, cuja trama gira em torno da tentativa de resgate do astronauta Mark Watney, deixado em Marte por sua equipe, que acreditava que ele havia morrido em um acidente. No Brasil, o livro foi publicado pela Editora Arqueiro.
O livro A jogada do século, de Michael Lewis e publicado no Brasil pela Editora Best Business, foi adaptado para o cinema no filme A Grande Aposta, do diretor Adam McKay. Este livro trata da crise financeira internacional de 2007/2008 e traz a história de um grupo que, prevendo o que aconteceria, decidiu apostar contra o mercado a fim de lucrar com a crise. O filme foi nomeado em cinco categorias do Oscar.
Brooklyn, de Colm Tóibín, se passa no início dos anos 1950 narra história de uma jovem irlandesa, Ellis Lacey, que,sem perspectivas em seu país, decide se mudar para os EUA. Ela passa a viver e trabalhar no Brooklyn, mas sente falta de casa e tem dificuldade para se adaptar ao novo país. Tudo muda quando Ellis conhece o bombeiro italiano Tony, por quem ela acaba se apaixonando. No entanto, ela precisa retornar à sua cidade natal, ficando mais uma vez dividida. O livro foi publicado pela editora Companhia das Letras e sua adaptação para o cinema, realizada pelo diretor John Crowley, recebeu três indicações ao Oscar.
O livro Quarto, da escritora irlandesa Emma Donoghue, deu origem ao filme O Quarto de Jack, nomeado em quatro categorias do Oscar. O livro conta a história de Jack, um menino de 5 anos que vive com sua mãe em um quarto de 7m². Aquele quarto era o mundo que Jack conhecia, no entanto, era também o cativeiro onde sua mãe era forçada a viver. No Brasil, Quarto foi publicado pela Editora Best Seller.
Carol, de Patricia Highsmith, inspirou o filme homônimo do diretor Todd Hayne, que rendeu a Cate Blanchet sua sexta indicação ao Oscar. A trama se passa na década de 1950 e gira em torno do romance entre duas mulheres, Carol e Thereze. A jovem Thereze era funcionária de uma loja de departamentos, onde acaba conhecendo Carol, uma elegante mulher que acabava de se separar do marido a quem não amava. As duas acabam se apaixonando, no entanto, precisam enfrentar o preconceito de familiares e amigos, e as ameaças do ex-marido de Carol. O livro foi publicado pela Editora L&PM. 




Nenhum comentário:

Postar um comentário

Copyright © 2013 | Design e C�digo: Amanda Salinas | Tema: Viagem - Blogger | Uso pessoal